Construindo vínculo com o cliente

Na maioria das vezes, não basta ter um excelente produto e um bom marketing. Alguns clientes precisam ter vínculo afetivo com a empresa, precisam de um rosto, um nome e uma voz que a represente. O cliente não compra de um sistema, mas de pessoas iguais a ele.

O Marketing favorece a primeira compra, mas somente o vinculo afetivo com a marca irá promover fidelização do cliente. Muitos empresários têm vasto conhecimento sobre seu produto, administração e outros conhecimentos necessários para a manutenção da empresa, mas falta a sensibilidade para construir vínculo com o cliente.

O que o cliente realmente quer!

O cliente busca a sua atenção, ele quer ser ouvido. Em muitos casos, será necessário ouvir sobre assuntos que não estão diretamente relacionado com seu produto, mas que são necessários para que o cliente construa vínculo com o vendedor. Assim, assuntos como família, humor, clima podem aparecer durante a venda.

Tolerar a aprender a tirar proveito disso é o mais inteligente a se fazer. Deixe-o falar, ouça-o com atenção e interesse, comente sobre o que ele lhe disse para que ele possa conhecer um pouco desta pessoa que esta representando a empresa. Se for apropriado, conte algo sobre você também.

Isso é importante para que o cliente se familiarize com a empresa e também se sinta a vontade para expressar as suas dificuldades e insatisfações. Expressando-as para o vendedor, o mesmo pode tomar providências para que o problema seja resolvido, além de evitar que o cliente leve as suas criticas para fora da empresa e abale a sua reputação.

Não faça isso como alguém maquiavélico, seja honesto, se permita conhecer o seu cliente e aprender como ele. Tenha sensibilidade para entender o que o cliente espera da sua empresa. Porque, se importar com as pessoas deve ser uma característica básica de quem trabalha com o público. Você vai ganhar mais do que dinheiro, vai ganhar experiências, conhecimentos e até amigos.

Há 12 meses atrás
Facebook Twitter YouTube LinkedIn Instagram